Inventário do Material Ferroviário Português

Regras, sugestões, críticas, pedidos de ajuda dos utilizadores e informação sobre o Portugal Ferroviário. Espaço para produções dos utilizadores do fórum, ligações, livros, etc.
JoaoD
Participante
Mensagens: 17
Registado: 19 Out 2020, 22:43

trainmaniac Escreveu: 07 Dez 2020, 08:36 Para 95% dessas estarão demolidas, mas sim... faltam actualizar dados. Por isso é que isto nunca acaba :)
Obrigado pela informação. Também suspeitava que a grande maioria já tinha sido demolida.
Avatar do Utilizador
Giugiaro
Participante
Mensagens: 552
Registado: 16 Jan 2018, 01:37

Página da frota das CP 3500 tem fotografia dos interiores dos CPA 4000 por engano.
Avatar do Utilizador
Aureo
Participante
Mensagens: 95
Registado: 14 Jan 2009, 17:14
Localização: Legasa, Navarra, Espanha
Contacto:

Corrigido. Obrigado pelo reparo :afro:
Cumprimentos, Áureo :good:
Avatar do Utilizador
trainmaniac
Participante
Mensagens: 12918
Registado: 28 Dez 2008, 20:16
Localização: Lisboa, Portugal
Contacto:

Continuamos a encher o inventario, agora também com vaporosas. Colaborem, nem que seja só com avistamentos ou memórias de avistamentos.
Quanto a fotografias, se tiverem fotografias de comboios que já não existem, mesmo que a qualidade não seja brilhante, peço também a vossa ajuda para virmos a ter o máximo de veículos representados possível. :)
Esta manhã carreguei nas 2050 e 2080... maioria são fotografias sem qualidade nem as tem em serviço, mas fica a memória. :)
Imagem
Avatar do Utilizador
Ponfeblino
Participante
Mensagens: 3
Registado: 07 Jul 2020, 15:05
Localização: A Corunha
Contacto:

Hoje, 1º de março de 2021, o site Listadotren.es completa 20 anos. Coloquei este comunicado de imprensa aqui (em espanhol) porque o Inventário é um site irmão.
La web Listado del Material Ferroviario Español, Listadotren.es, cumple este 1 de marzo de 2021 sus primeros 20 años de existencia en internet.

La web nació en 2001 como una manera de ordenar y presentar a la afición ferroviaria el estado del parque móvil de las distintas compañías ferroviarias españolas, exponiendo los principales datos y avatares de la vida activa de cada vehículo. La intención inicial, nacida en torno al parque motor de locomotoras y unidades de tren de las distintas compañías estatales, tuvo una rápida expansión.

Por un lado, se comenzaron a crear no solo los vehículos en circulación sino todos los anteriores de la historia ferroviaria española a excepción de la tracción vapor. También, comenzaron a aparecer las secciones de coches de viajeros, ferrocarriles metropolitanos, redes tranviarias, locomotoras y ferrocarriles industriales y remolques Talgo. En paralelo, todos los vehículos conservados por asociaciones y museos del ferrocarril.

Los transportes por cable como son los funiculares, teleféricos de viajeros y de mercancías, y ascensores inclinados, también poseen su sección propia, al igual que una extensa colección de fichas de características técnicas y un apartado de documentación.

La web nació con espíritu colaborativo, siendo sus usuarios los que preferentemente añaden nuevas informaciones o precisan las existentes, y comparten sus fotografías en una colección que ya está cerca de las 22.000 fotografías entre todas las secciones.

Este tráfico de información necesita una estructura informática sólida, que se inició en 2003 mediante sendos proyectos de fin de carrera en la facultad de informática de la Universidad de Valladolid, en el programa Erasmus.
Listadotren.es cuenta desde el año 2020 con una web hermana, el Inventário do Material Ferroviário Português, (https://inventario.portugalferroviario.net) que se dedica de la misma forma al parque móvil de nuestro país vecino.

Celebramos este vigésimo aniversario abriendo al público una sección largamente demandada entre los visitantes, como es la de Vagones de mercancías, accesible desde hoy, y a la que tenemos que precisar que está en constante crecimiento, tanto en datos como en fotos.

Desde la administración web, queremos dar las gracias a todos los usuarios, visitantes y aportadores de datos y fotos toda vuestra ayuda para que el proyecto continúe adelante.
Google translator diz assim:
Em 1º de março de 2021, o site da Listado del Material Ferroviario Español, Listadotren.es, comemora seus primeiros 20 anos de existência na Internet.

O site nasceu em 2001 como forma de organizar e apresentar aos adeptos dos caminhos-de-ferro o estado da frota das diferentes empresas ferroviárias espanholas, expondo os principais dados e vicissitudes da vida activa de cada veículo. A intenção inicial, nascida em torno do parque motor de locomotivas e unidades ferroviárias das diferentes empresas estatais, teve uma expansão rápida.

Por um lado, começaram a criar não só os veículos em circulação, mas todos os anteriores da história ferroviária espanhola, com exceção da tração a vapor. Além disso, seções de carros de passageiros, ferrovias metropolitanas, redes de bondes, locomotivas e ferrovias industriais e reboques Talgo começaram a aparecer. Em paralelo, todos os veículos mantidos por associações ferroviárias e museus.

Os transportes por cabo, como funiculares, teleféricos de passageiros e de carga, e elevadores inclinados, também contam com seção própria, além de extenso acervo de fichas técnicas e seção de documentação.

A web nasceu com um espírito colaborativo, sendo seus usuários aqueles que preferencialmente acrescentam novas informações ou especificam as existentes, e compartilham suas fotografias em um acervo que já possui cerca de 22.000 fotografias entre todas as seções.

Este tráfego de informação requer uma sólida estrutura informática, iniciada em 2003 através de dois projectos de final de ano na Faculdade de Informática da Universidade de Valladolid, no programa Erasmus.
Listadotren.es tem um site irmão desde 2020, o Inventário do Material Ferroviário Português, (https://inventario.portugalferroviario.net) que se dedica da mesma forma à frota móvel do nosso país vizinho.

Celebramos este vigésimo aniversário abrindo ao público um troço há muito procurado pelos visitantes, como o Vagões de Carga, acessível a partir de hoje, e ao qual temos de referir que está em constante crescimento, tanto em dados como em fotos.

Desde a administração web, queremos agradecer a todos os usuários, visitantes e colaboradores de dados e fotos por toda a ajuda para que o projeto continue.
Muito obrigado a todos.
Daniel.
Avatar do Utilizador
trainmaniac
Participante
Mensagens: 12918
Registado: 28 Dez 2008, 20:16
Localização: Lisboa, Portugal
Contacto:

Obrigado pela dedicação, Daniel!
De facto assim é, e na versão portuguesa já temos 3.500 vagões à vossa espera. Se quiserem ajudar a adicionar dados, podem ou submeter fotografias / alterações para os que já existem, ou contactar-me para vermos como fazer as listas das (muitas) séries que faltam. O André Cornamusaz está a ter um trabalho de loucos com os vagões já, teremos muito mais novidades em breve. :afro:
Imagem
Avatar do Utilizador
Giugiaro
Participante
Mensagens: 552
Registado: 16 Jan 2018, 01:37

Das carruagens bar Arco já atualizei os dados a todas as carruagens. No entanto é preciso corrigir o seguinte:

Da carruagem 501 à 505 a porta da casa de banho fica no salão de passageiros, e não no vestíbulo.
Avatar do Utilizador
trainmaniac
Participante
Mensagens: 12918
Registado: 28 Dez 2008, 20:16
Localização: Lisboa, Portugal
Contacto:

Tudo actualizado, obrigado pela contribuição!
Imagem
Avatar do Utilizador
trainmaniac
Participante
Mensagens: 12918
Registado: 28 Dez 2008, 20:16
Localização: Lisboa, Portugal
Contacto:

Uma nota sobre vagões, o critério de entrada no inventário é estarem matriculados em Portugal. Os que cá circulam registados noutros países não serão incorporados - é uma decisão sempre difícil mas algum critério tem de existir face à actual pouca vergonha de vagões a passearem por todo o lado :biggrin:
Imagem
Avatar do Utilizador
trainmaniac
Participante
Mensagens: 12918
Registado: 28 Dez 2008, 20:16
Localização: Lisboa, Portugal
Contacto:

Aproveito para fazer um apelo - alguém sabe se ainda se avista algures algum vagão de tipo Zaes (Cisterna) com engate Atlas e UIC, algures na rede? Se sim, onde?
Imagem
Responder