Raios de Curvatura

Tutoriais sobre modelismo e espaço também para as dúvidas
Avatar do Utilizador
Alvaro Sousa
Participante
Mensagens: 126
Registado: 17 Abr 2011, 16:56
Localização: Ermesinde - Portugal

Post inicialmente postado aqui.

Caro Pedro Silva:

Vamos lá ver se nos entendemos: não existe nenhuma locomotiva, seja ela com rodados NEM ou rodados RP que resista aquilo a que o amigo Cavaco já referiu! Esqueça, tem e terá sempre problemas com esses tipo de via (curvas muito acentuadas, agulhas em curva se não estiverem devidamente calibradas, transições de plano para subida etc) e dificilmente poderá evitar essas situações a não ser que corrija a via! Eu sei e compreendo perfeitamente que nem todos temos espaço em nossas casas para fazermos as curvas e contracurvas como gostaríamos. Mas é o "amor" que temos por este hobby que nos leva muitas vezes a cometermos "loucuras" e fazermos coisas absolutamente inacreditáveis, tal como no velho ditado "meter o Rossio na rua da Betesga".

Eu sei que nem todos poderão ter curvas com 1,20m de raio como eu aqui tenho mas, e dado que desisti de todo o material Europeu e me virei para o material Americano, por incrível que pareça, estes raios de curvatura, são apertadíssimos para este tipo de material. Mas o que é que eu vou fazer, vou deitar abaixo uma parede e ir para a garagem do vizinho? Claro que não, tenho que fechar um pouco os olhos a isso, mas existem casos (tenho um cliente que tem raios de curvatura tão apertados que uma simples V200 da Roco passa com o "corpo" por fora dos carris!!!) que são totalmente absurdos! Isto para não falar na deterioração dos respectivos cardans das locomotivas...!

Como tal amigo Pedro, comece por ajustar dentro dos limites do aceitável o seu layout. SE não pode "fechar" o circuito, faça um módulo com um bom sistema de triagem, e divirta-se aí. Mais, e agora também para o amigo Cavaco: não gastem dinheiro nem façam intervenções em material, quando não é de todo o material que tem culpa, mas sim "nós" que não lhe damos a possibilidade de "ele" mostrar aquilo que tem para nos oferecer...!

Desculpem, mas penso que esta minha intervenção, não tem muito a ver com o tópico que abri, mas não posso deixar de dar algumas dicas, sem querer parecer o "iluminado" do fórum, mas com quase 45 anos de modelismo, sinto-me na obrigação de vos chamar um pouco há realidade... mas atenção que eu também cometo erros...!
Um abraço, e desculpem.
P.S. Não comentem o meu layout por favor! Está a ser modificado.
Não tem Permissão para ver os ficheiros anexados nesta mensagem.
Alvaro Sousa
http://www.linhadonorte.com
Reparador oficial Fleischman/Roco/Sudexpress/Norbrass
Cosmin
Participante
Mensagens: 442
Registado: 16 Dez 2011, 01:03
Localização: Vila Nova de Gaia

Perfeitamente verdade!

as linhas e os desvios tem que ser bem assentos e nivelados, senao "vai tudo abaixo!"ha situaçoes em que o traçado em curva esta a subir...aqui ha 2 fatores importantes, a enclinaçao (que nao pode pasar dos 2,5 %) e o raio da curva.mais apertada for a curva (raio pequeno) menos enclinaçao deve ter.antes de fixar a linha de vez, é imperativo fazer testes com tudo o material rolante disponivel, ate que tudo esta "nos conformes".eu nao recomendaria raios abaixo dos 450 mm para locomotivas CoCo ou a vapor com tender.

Caro Alvaro Sousa, aquele desvio esta um mimo!! pode me dar alguns detalhos, por favor ?
Avatar do Utilizador
Alvaro Sousa
Participante
Mensagens: 126
Registado: 17 Abr 2011, 16:56
Localização: Ermesinde - Portugal

Caro Cosmim:
Tenho um tópico aberto neste fórum: Agulhas Hand maid, se não estou em erro.
Para melhor saber, vá a www.handlaidtrack.com. Tem lá tudo o que necessita, e sou revendedor deles para Portugal.
Tem kits para todo o código de via.
Um abraço,
Alvaro Sousa
http://www.linhadonorte.com
Reparador oficial Fleischman/Roco/Sudexpress/Norbrass
Avatar do Utilizador
Jorge Seia
Participante
Mensagens: 557
Registado: 01 Set 2010, 15:41

Alvaro Sousa Escreveu:Caro Cosmim:
Tenho um tópico aberto neste fórum: Agulhas Hand maid
viewtopic.php?f=56&t=3601
Avatar do Utilizador
RuiEliasMaltez
Participante
Mensagens: 2294
Registado: 31 Dez 2008, 10:15
Localização: Sintra/Lisboa

Senhor Álvaro de Sousa:

No meu caso tenho lá curvas com um raio aproximado de 450mm e tenho lá locomotivas CC.

Algumas passam perfeitamente bem (as 319) e há duas, as 333 da Mehano, que pesam para aí un 800gr, e que também ali passam. A única limitação é a velocidade: Se for baixa e se não tiver desvios a meio, ou exactamente no fim da curva, a locomotiva passa sem descarrilar.

Por outro lado as muito leves Mabar, série 1330CP, e as suas euivalente espanholas, em todo os desvios Fleichmman descarrilm imensamente nas manobras, o que me aborrece. :angry2:

Será do peso de cada uma que existe essa diferença de comportamento?
ImagemImagemImagem
Cosmin
Participante
Mensagens: 442
Registado: 16 Dez 2011, 01:03
Localização: Vila Nova de Gaia

Ja estou a estudar os desvios da "Handlaidtrack"....obrigado!

RuiEliasMaltez,

deve ter algum problema na linha.ou nao esta bem assenta e faz "ondas" ou nas juntas das linhas...as vezes é muito dificil dar com o "gato", pois o defeito nao é tao obvio.e se tiver alguma enclinaçao, ai é que se complica...
caso verificado no meu diorama...linha fixa a base 5 estrelas, rolagem impecavel com todo o material e com o passar dos anos começaram aparecer problemas: descarilamentos com alguma locomotivas, vagoes etc...a causa?a base de contraplacado "trabalhou" ao longo dos anos e a base ja nao estava tao direita :facepalm: e foi assim que me arependi por nao ter usado contraplacado de 10 mm pra cima , em vez de 8 mm (o que encontrei naquela altura), assim nao trabalhava tanto.
Avatar do Utilizador
Alvaro Sousa
Participante
Mensagens: 126
Registado: 17 Abr 2011, 16:56
Localização: Ermesinde - Portugal

Caro Rui Maltêz:
Pode eventualmente ser uma questão de peso, mas como o Cosmim disse (detesto tratar as pessoas pelos nick name) tudo se resume à boa "instalação" das vias, assim que se idealiza a maqueta. Há-de reparar, e agora puxando a "brasa há minha sardinha", que os Americanos utilizam muito o contraplacado para criarem as suas estruturas, com uniões perfeitas, curvas suaves (eu sei, teem espaço), e subidas muito graduais. Sá assim se conseguem evitar dissabores futuros.

Penso que já deve estar a penasr:"mas pelo que vejo a sua não está assim"! Pois não Rui, mas está muito bem estruturada, assente em cima de roofmate de 30mm, e não tem curvas acentuadas nem inclinações. Só isso já é uma grande vantagem por um lado, e uma grande desvantagem por outro. Qual a desvantagem? É que "tudo" rola neste layout sem parecer ter qualquer problema. Por isso é que quando aqui recebo algo para reparar, vai primeiro, e aí sim, há "pista de comboios que monto no chão" (só um circulo com o raio mais apertado que existe no mercado) e só depois faz a rodagem no layout. Portanto, o que a locomotiva que eu reparei tiver que "gemer" geme logo nesse primeiro teste!

Como tal Rui verifique bem o seu layout, e ainda exite outra coisa em que muita gente não pensa e que irreflectidamente acusa de mau comportamento do material motor, do estilo de dizerem, mas esta é CC e não descarrila e aquela é BB e descarrila! Sabem o que é? Muito simples: a flexibilidade de movimento do bogie! Pois é meus caros amigos, não é igual para todas as locomotivas, daí uma passar num raio de curvatura e a outra não passar! Ora pensem lá bem se será isso também ou não uma das causas dos descarrilamentos?

Um abraço a todos.
Alvaro Sousa
http://www.linhadonorte.com
Reparador oficial Fleischman/Roco/Sudexpress/Norbrass
Avatar do Utilizador
RuiEliasMaltez
Participante
Mensagens: 2294
Registado: 31 Dez 2008, 10:15
Localização: Sintra/Lisboa

Obrigado a ambos... vou então verificar melhor. :)
ImagemImagemImagem
Pedro Silva
Participante
Mensagens: 702
Registado: 30 Dez 2008, 23:49

Concordo plenamente com o que foi dito anteriormente. Tive a fazer uma analise detalhada das locomotivas que descarrilam e os locais e verifiquei varios problemas que aquando da montagem das vias não fazia ideia, tais como: juntas de dilatação grandes (+/- 2 a 4mm , mas aqui com uma agravante uma boa quantidade delas se as diminuir , num dia de temperaturas de 30 a 40º as linhas empenam de uma tal maneira que o carril até se separa de algumas travessas... , e mesmo algumas juntas em linha flexivel mesmo com esta loucura de juntas por vezes dá problemas, é o que dá fazer maquetes em sótãos...) Outro problema nas agulhas em curva só se revela com a loc. 1320 da mabar (que dança ) e com uma locomotiva 1930 transformada com uma carcaça da loc. CC 72000 da jouef e motorização de uma loc. similar á 1320 em forma da altearn (que tambem dança mas menos que a 1320 da mabar, tanto uma como outra noto que as rodas parecem que tem bastante folga nos bogies ). Um dos problemas com a via resulta no facto de haver material de varias marcas em que os codigos de via não são exactamente iguais (Peco, Lima, Roco , Mehano e Piko.) Actualmente só tenho aquirido material Peco. Onde já tive alguns problemas foi no fim da expiral em que a via sobe em curva e entretanto há a transição para o plano que entretanto resolvi paras as restantes locomotivas. Gostaria que me explicassem como ver se as agulhas em curva estão calibradas, assim como as outras.
Avatar do Utilizador
Alvaro Sousa
Participante
Mensagens: 126
Registado: 17 Abr 2011, 16:56
Localização: Ermesinde - Portugal

Caro Pedro Silva:
Para verificar se as suas agulhas estão dentro dos limites do aceitável, só utilizando uma peça que se chama "gabarito" . Ainda não vi por cá à venda disso, mas tenho uma da NMRA (Americana) que "nos diz" de imediato se as distancias entre lanças, ponto de coração e até das próprias vias estão Ok. Não estou neste momento em condições de lhe enviar fotos da mesma, mas vou tentar amanhã fazê-lo, para todos poderem ver ao que me refiro. Irei ter esse material dentro em breve.

Agora passemos a outro assunto: realmente com essas temperaturas de sótão, não há material que resista. É realmente muita temperatura, e então as vias da Peco, acusam logo essa mudança de temperatura. Nem vale a pena perguntar se tem outro espaço para a colocar, porque já vi que não. E já agora também muita atenção ao hélix que tem, como o tem feito e qual a inclinação que tem... já vi "hélix" que mais pareciam o elevador de S. Justa do que um hélix mas...

Um grande abraço, e BFS prolongado.
Alvaro Sousa
http://www.linhadonorte.com
Reparador oficial Fleischman/Roco/Sudexpress/Norbrass
Responder