Modelismo com Impressão 3D

Criações e transformações pessoais
Responder
Avatar do Utilizador
Giugiaro
Participante
Mensagens: 527
Registado: 16 Jan 2018, 01:37

Boa Noite,

Já alguém aqui teve experiências com impressão 3D na geração de material circulante para modelismo?

Tirei uma formação na Universidade de Aveiro para uso das máquinas de impressão tipo FDM existentes no DeCA, e fiquei com umas ideias sobre o que poderia fazer. :hum2:
IMG_20180611_195803.jpg
IMG_20180611_195813.jpg
IMG_20180611_224658.jpg
Não tem Permissão para ver os ficheiros anexados nesta mensagem.
nalmeida
Participante
Mensagens: 458
Registado: 20 Jun 2012, 19:05

Boas, na minha opinião as impressoras FDM não têm precisão suficiente e qualidade de acabamentos necessários à impressão de material circulante. Servem para imprimir interiores por exemplo ou até alguns componentes mecânicos e pouco mais. Para quem não for muito exigente dá para umas brincadeiras.
Avatar do Utilizador
Giugiaro
Participante
Mensagens: 527
Registado: 16 Jan 2018, 01:37

Se for a usar FDM iria obviamente incluir um tratamento superficial para corrigir erros e fissuras. Pode ser interessante para material liso como carruagens e automotoras.

Mas se quisermos usar o mínimo de trabalho na geração de forma, há sempre o SLA/DLP, mas desses não tenho nenhuma experiência a usar.
Avatar do Utilizador
Paulo Sousa
Participante
Mensagens: 833
Registado: 02 Abr 2013, 17:23

Recentemente adquiri uma impressora 3D, que está em processo de afinação.
Já existe muito material disponível para modelismo, desde componentes para detalhe até modelos completos.
Evidentemente que a qualidade depende da impressora. As impressoras industriais já oferecem um trabalho bastante razoável.
A impressão 3D já é de uso corrente para a indústria aeronáutica e médica, entre outros usos industriais, desde prototipagem a produtos finais.

As caseiras nunca poderão a esse nível de qualidade evidentemente, mas serão bastante úteis para componentes e prototipagem.
Quem for curioso e procurar pela internet encontra bons modelos e técnicas de finalização para uso caseiro.
Then it comes to be that the soothing light at the end of your tunnel
Is just a freight train coming your way

ex-APAC 1270
ex-AMF 198
Cosmin
Participante
Mensagens: 442
Registado: 16 Dez 2011, 01:03
Localização: Vila Nova de Gaia

Impressão (caseira) 3D em resina fotopolimerica:

Imagem


Imagem

Imagem

Imagem

Imagem
ALopes
Participante
Mensagens: 121
Registado: 03 Abr 2013, 13:22
Contacto:

Parabéns pelos modelos.Estão excepcionais!
Sem dúvida que as impressoras de resina permitem um detalhe, que as de filamento (FDM), não chegam nem perto.
Eu tenho uma FDM, e por muito afinada que esteja, não chega lá. Uso-a principalmente para peças de suporte ou funcionais, como por exemplo suportes de servos, ou suportes de PCBs, etc.
Hoje mesmo recebi uma impressora de resina. Mais precisamente uma DLP (semelhante à SLA, mas em que as camadas são "curadas" por UV de uma só uma vez, em vez de ter um laser a desenhar todos os detalhes. Aqui há um bom guia: https://3dinsider.com/3d-printer-types/).
O modelo que adquiri é uma Creality LD-002R e estou mortinho por experimentá-la, mas tenho de esperar algum ainda tempo. Com isto do COVID, decidi pô-la em quarentena...
Confesso que planeio utilizá-la apenas para detalhes ou para complementar modelos (também faço modelismo estático e muitas vezes os modelos vêm sem detalhes, como por exemplo os detalhes dos cockpits). Desenhar completamente uma loco/vagão em CAD para depois imprimir, parece-me um esforço demasiado grande. Já para não falar que a impressora só imprime a carcaça e eventualmente alguns detalhes. Há ainda toda a parte da locomoção e motorização da mesma.
Claro está que, se não há o modelo que queremos, então é sem dúvida um projecto aliciante, se bem que um grande desafio. Por isso, uma vez mais, os meus parabéns.
Logo que tenha alguns exemplos dos meus progressos, coloco aqui as fotos.
Cumprimentos,
António Lopes
Avatar do Utilizador
Giugiaro
Participante
Mensagens: 527
Registado: 16 Jan 2018, 01:37

Um vagão fechado tipo o U que acompanhava o comboio histórico do Douro seria um bom princípio para experimentar modelar e imprimir um vagão completo.

As únicas coisas que viriam a ser necessárias acrescentar seriam fio metálico (para os varões), engates e rodados.

Eu separaria o vagão em duas peças: 1 - Chassi; 2 - Carroçaria. Aproveitava também a abertura para introduzir uma chapa de aço para atribuir peso ao vagão.
Responder